Surfistas engajados por justiça socioambiental

Ecosurfi representa a comunidade do surfe em Brasilia

Ecosurfi representa a comunidade do surfe em Brasilia Ecosurfi representa a comunidade do surfe em Brasilia

Noite do Surfe pelo Social em Itanhaém

Encontro tem como proposta reunir a comunidade do surfe

Encontro tem como proposta reunir a comunidade do surfe Encontro tem como proposta reunir a comunidade do surfe

Projeto faz diagnóstico de áreas potenciais para Ecoturismo

Levantamento aponta atrativos em Itanhaém/SP

Projeto faz diagnóstico de áreas potenciais para Ecoturismo Projeto faz diagnóstico de áreas potenciais para Ecoturismo

Ecosurfi encoraja surfistas a discutir Gestão Costeira

Comunidade do surfe cobra mais atenção com as praias

Comunidade do surfe cobra mais atenção com as praias Comunidade do surfe cobra mais atenção com as praias

Profissionais da Escola Ecosurfi passam por “reciclagem”

Curso de Formação e Atualização de Instrutores de Surfe

Curso de Formação e Atualização de Instrutores de Surfe Curso de Formação e Atualização de Instrutores de Surfe

Semana do Meio Ambiente debate surfe e sustentabilidade

O seminário vai debater o engajamento dos surfistas

O seminário vai debater o engajamento dos surfistas O seminário vai debater o engajamento dos surfistas

Ecosurfi “dropa” no Ibirapuera

Projetos que defendem a biodiversidade foram expostos

Projetos que defendem a biodiversidade foram expostos Projetos que defendem a biodiversidade foram expostos

Programa de voluntariado da Ecosurfi

Visa criar uma rede para o engajamento público

Visa criar uma rede para o engajamento público Visa criar uma rede para o engajamento público

Instrutores da Escola Ecosurfi recebem treinamento

O objetivo do projeto é ensinar técnicas para resgates no mar

Instrutores da Escola Ecosurfi recebem treinamento do Salva Surfe Instrutores da Escola Ecosurfi recebem treinamento do Salva Surfe

“Onde o mar encontra as pessoas” será lançado na Ecosurfi

Documentário traz o panorama das relações humanas com o mar

“Onde o mar encontra as pessoas” será lançado na Ecosurfi “Onde o mar encontra as pessoas” será lançado na Ecosurfi

Vitória contra o projeto Porto Brasil

Terra Indígena é demarcada e restingas são protegidas

Terra Indígena é demarcada e restingas são protegidas Terra Indígena é demarcada e restingas são protegidas

Viva Mata 2011 vai debater surfe e gestão costeira

Debate tem como foco discutir as zonas costeiras

Debate tem como foco discutir as zonas costeiras Debate tem como foco discutir as zonas costeiras

Ecosurfi atua na criação de área protegida em SP

Decreto oficializa a criação do mosaico de UC,s

Ecosurfi atua na criação de área protegida em SP

Litoral Paulista terá sua primeira conferência sobre recursos hídricos



Processo participativo que envolveu 36 escolas municipais tem seu grande momento no Guarujá



Nunca a escassez da água potável preocupou tanto a humanidade. Conflitos em varias partes do planeta acontecem entorno desse, que é o bem mais precioso para a vida na Terra, os recursos hídricos.


Preparando a Baixada Santista para discutir a gestão responsável da sua Bacia Hidrográfica na perspectiva das escolas cuidando das águas, a Ecosurfi iniciou no mês de março deste ano, o projeto Rio do Nosso Bairro - Rede de Escolas Cuidando da Água, que chega em sua reta final nesse próximo final de semana no Guarujá.

No sábado (27), acontece a I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista, que deve envolver mais de 500 participantes entre educadores, estudantes, pesquisadores e observadores para pensarem as responsabilidades que as escolas da região devem assumir no cuidado com as águas da Baixada Santista.

A Conferência tem como intuito principal, envolver as escolas em ações educativas direcionadas, onde cada espaço educador vai assumir responsabilidades coletivas com o seu entorno, e estimular ações para aprofundar a relação das escolas com a gestão dos recursos hídricos, apontando compromissos claros para a proteção dos rios da região.

Durante todo o ano o projeto formou professores e professoras para desenvolverem ações locais de elaboração do Diagnóstico Socioambiental Participativo, chamado Mapa Verde, de suas comunidades com a participação ativa de seus alunos e alunas. No dia da Conferência todas as escolas participantes se encontrarão para que os jovens e educadores possam trocar experiências e construir a Carta de Responsabilidades - Vamos Cuidar da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista.

A I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista será um verdadeiro marco para a educação ambiental na gestão dos recursos hídricos da Baixada e representa um espaço de encontro dos atores envolvidos com o mapeamento de suas comunidades para a troca de experiências.


Carta de Responsabilidades

Durante 2010 o projeto Rio do Nosso Bairro estimulou a formação de uma Rede de Escolas Cuidando da Água.

A rede mobilizou ações educativas no âmbito do ensino formal e promoveu ações e reflexões em torno das responsabilidades que jovens, educadores e educadoras podem e querem assumir para cuidar da bacia hidrográfica.

Para balizar o processo, o projeto toma a Carta das Responsabilidades Humanas como documento orientador, um pretexto para a transformação local.

Fruto de uma construção coletiva internacional promovida pela Aliança para um Mundo Responsável, Plural e Solidário, a noção de responsabilidade humana é um conceito balizador das ações e reflexões em torno da proposta de “cuidar do rio do nosso bairro”.

“A responsabilidade aqui é proposta como um conceito ético que reforça valores dos direitos e da paz, e é fruto de uma visão de mundo solidária que surge para assegurar a existência do planeta Terra e seus habitantes”. (Carta das Responsabilidades Humanas).

Mais do que direitos e deveres, a sociedade humana necessita reconhecer e assumir suas responsabilidades individuais e não relegar suas responsabilidades coletivas.

Durante a I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista alunos e professores participantes do projeto escreverão a Carta de Responsabilidades das Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista, definindo compromissos práticos que as escolas assumem para colaborar com a gestão sustentável da água na região.

Esta Carta será entregue ao Comitê de Bacia Hidrográfica da Baixada Santista e às Secretarias Municipais de Educação dos nove municípios que compõem a bacia e a escolas da região, de forma a estimular ações de cuidado com os rio e agregar propostas para a construção do Plano de Educação Ambiental da Bacia.

A Conferência acontece no Ginásio Tejereba e Escola Municipal Almeida Junior, na Praia da Enseada e terá o seu inicio a partir das 9h30 com o término previsto para às 18h40.


Conheça mais sobre o projeto Rio do Nosso Bairro - Rede de Escolas Cuidando da Água em www.riodonossobairro.org.br e acompanhe todo o processo que será encaminhado na I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista.


O projeto Rio do Nosso Bairro – Escolas Cuidando da Água é uma realização da Ecosurfi com o financiamento do FEHIDRO – Fundo Estadual de Recursos Hídricos, parceria da Comissão de Educação e Divulgação do Comitê de Bacia Hidrográfica da Baixada Santista, das Prefeituras de Peruíbe e do Guarujá e apoio das Prefeituras de Itanhaém, Santos e Praia Grande.

Leia Mais ►
Read more...

Berço do surfe recebe seminário sobre surf e sustentabilidade

A cidade onde nasceu o surf no Brasil participa das atividades da Ecosurfi nessa sexta-feira

Durante a Semana da Biodiversidade que acontece em Santos (SP) de 20 a 27 de novembro, a ONG Ecosurfi promove a terceira etapa dos seminários “Surf nas Ondas da Sustentabilidade”, que faz parte do programa Surfe Sustentável promovido pela organização.

O evento vai rolar na próxima sexta-feira (26/11), às 15hs, no auditório do Museu do Surf, localizado no emissário submarino na cidade. As duas primeiras atividades deste ciclo de apresentações aconteceram em Ubatuba e Iguape, reunindo surfistas do litoral norte e litoral sul.

O seminário está inserido na fase de mobilização do programa Surf Sustentável e tem como propósito contribuir com a sensibilização da comunidade do surf, sobre os desafios que o atual cenário socioambiental esta impondo sobre as sociedades humanas, em especial os habitantes das áreas costeiras.

Entre as propostas que são pautadas nas palestras está, o protagonismo dos surfistas, surfe e gestão costeira, cultura surfe e consumo, e surfe juventude e meio ambiente.

Nesta primeira fase, as ações estão direcionadas para a mobilização da comunidade do surfe, que através da “Aliança dos Surfistas pelo Meio Ambiente”, estão promovendo o diálogo virtual e presencial sobre o tema, com o propósito de fazer parcerias para construírem iniciativas pró-sustentabilidade dentro do universo surf.

Todas as discussões acontecem numa rede social articulada por grupos de praticantes do surfe e admiradores do esporte em todo o território nacional (www.surfsustentavel.ning.com).

As palestras serão facilitadas pelos dirigentes da Ecosurfi, João Malavolta e Bruno Pinheiro.

Para obter mais informações sobre o seminário, entre em contato pelo telefone 13 3426-8138 / 13 9751 03332 ou envie mensagem para surfsustentavel@ecosurfi.org.

O Museu do Surf, fica localizado à Av. da Praia, canal 1 / Emissário Submarino, Santos (SP).

* Haverá sorteio de uma prancha de surfe ,camisetas e esquizes para os participantes. Não é necessário inscrição, evento gratuito.

O Programa Surf Sustentável conta com os parceiros estratégicos: Aliança para um Mundo Plural e Solidário, Global Garbage e com o apoio da Prefeitura Municipal de Ubatuba / Secretaria de Meio Ambiente, AUS - Associação Ubatuba Surf, Rejuma – Rede Juventude pelo Meio Ambiente e Sustentabilidade, Coletivo Jovem de Meio Ambiente – CJ Caiçara, REBEA – Rede Brasileira de Educação Ambiental, REPEA - Rede Paulista de Educação Ambiental, Fórum do Litoral Paulista das Agendas 21, projeto CineSurf, Greenpeace – campanha Oceanos, Associacao Santos de Surfe, Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Santos e SOS Mata Atlântica.

Confira a programação 







Leia Mais ►
Read more...

Baixada Santista tem seus rios mapeados por projeto da Ecosurfi



Metodologias socioparticipativas investigam impactos nos mananciais


Durante o ano letivo de 2010, a Região Metropolitana da Baixada Santista teve seus rios mapeados por jovens de 36 escolas que participam do projeto: Rio do Nosso Bairro – Escolas Cuidando das Águas.

Cerca de 100 professores de nove municípios se envolveram nas atividades do projeto, que foi dividido em três etapas, tendo como eixos de atuação: saneamento básico, gestão dos recursos hídricos, meio ambiente e saúde pública.

Inicialmente o trabalho começou no mês de março com a mobilização através da 9° Semana da Água e 5° Caminhada Metropolitana da Água na cidade de Peruíbe, que contou com a participação de 4 mil jovens. 
Em seguida o projeto passou para etapa II com as atividades de formação, que abordaram temas como: saneamento e controle social; educomunicação e redes; educação ambiental e métodos participativos; história, socioeconomia, cultura e meio ambiente da Baixada Santista.

Na etapa III foi iniciado o trabalho com os alunos dentro das unidades de ensino e no seu entorno. Essa fase foi marcada pelas saídas de campo, que possibilitaram aos estudantes compreenderem a realidade socioambiental ao redor das suas comunidades.
Por meio de projetos de mapeamentos participativos os alunos, documentaram a situação das áreas próximas as escolas, dentro da perspectiva de sustentabilidade, organização e desenvolvimento social na bacia hidrográfica.

Todos os mapeamentos foram acompanhados através de cinco oficinas realizadas pela equipe de gestão do projeto, que regularmente visitou as cidades de Guarujá, Praia Grande, Itanhaém (2) e Peruíbe. O objetivo foi orientar os educadores sobre a metodologia do Mapa Verde Virtual que sistematizou as informações levantadas pelos “mapeadores” para o portal educomunicativo www.riodonossobairro.org.br .

Rumo a I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista

Todo o processo de desenvolvimento do projeto Rio do Nosso Bairro – Escolas Cuidando das Águas da Baixada Santista, terá o seu grande momento no próximo dia 27 na cidade do Guarujá, pois é quando acontece a I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista.

A conferência vai reunir 450 pessoas entre alunos e alunas, professores e professoras, representantes de secretarias de educação de toda a Baixada Santista, de redes de educação ambiental. 

Na oportunidade serão apresentados os mapeamentos realizados e as responsabilidades assumidas por cada escola, baseada nas problemáticas identificadas durante o processo de realização do projeto no âmbito de cada unidade de ensino.

Conheça o portal educomunicativo do projeto Rio do Nosso Bairro – Escolas Cuidando das Águas da Baixada Santista e fique sabendo tudo sobre o processo de realização da I Conferência Infanto-Juvenil de Escolas Cuidando da Bacia Hidrográfica da Baixada Santista.


O projeto Rio do Nosso Bairro – Escolas Cuidando da Água tem financiamento do FEHIDRO – Fundo Estadual de Recursos Hídricos, parceria da Comissão de Educação e Divulgação do Comitê de Bacia Hidrográfica da Baixada Santista, das Prefeituras de Peruíbe e do Guarujá e apoio das Prefeituras de Itanhaém, Santos e Praia Grande.
Leia Mais ►
Read more...

Todos convidados!

Leia Mais ►
Read more...

Todos por praias mais limpas

A campanha “Vamos Limpar o Mundo” 2010, aconteceu na cidade de Itanhaém e contou com a participação de voluntários por toda a cidade. As ações percorreram praias, ilhas, costões rochosos, rios, trilhas e matas ciliares.

Centenas de quilos de detritos foram retirados da área costeira. Todo o material coletado foi analisado através da qualificação por tipo e quantidade.

Os dados registrados foram sistematizados e enviados através do relatório de despoluição produzido pela Ecosurfi, para as organizações ambientalistas internacionais, a norte americana Ocean Conservancy e a australiana Clean Up the World.

Os números da campanha “Vamos Limpar o Mundo” 2010, vão servir de subsidio para a elaboração do diagnóstico sobre a contaminação dos oceanos por resíduos sólidos, que está sendo produzido pelo PNUMA (Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente).


Veja os números e as fotos da campanha:

Leia Mais ►
Read more...
Related Posts with Thumbnails
Ocorreu um erro neste gadget

Destaques

Ocorreu um erro neste gadget

  © Ecosurfi Desenvolvimento por Comunicação Ecosurfi Século XXI

Back to TOP